9 de fev de 2010

Diálogo com Deus

Um dia conheci um mágico, mas não um mágico comum..Era o mágico dos sentimentos! Ele me prometeu transformar todos os meus sentimentos ruins em coisas maravilhosas. Segundo o tal mágico, eu nunca mais precisaria sentir tristeza, dor, saudade, ódio, ciúme..Tudo em mim iria ser felicidade! Claro que eu aceitei, afinal, não custava tentar.
Então assim ele fez: colocou um lenço sobre meus olhos, assoprou e...E nada mudara! Esperei, esperei e tudo permanecia igual! Então decidi ir para minha casa; eu estava desolada e com raiva do mágico mentiroso! Quando eu ia dar-lhe as costas, ele falou em meu ouvido: Minha mágica só funciona quando você 'abrir os olhos'. Espero que para você não seja tarde demais! Eu não dei à mínima..simplesmente saí.
Na rua todas as coisas estavam iguais: carros, prédios, fumaça, homens caídos no chão..Tudo igual a antes. De certo modo, senti-me aliviada por nada ter mudado, pelo menos eu poderia continuar minha vida como era antes. Mas, no caminho da minha casa, um carro grande e pesado me pegara repentinamente e quando acordei, estava eu pronta para ser julgada por Deus! Sim, eu tinha sido atropelada naquela tarde. Deus estava na minha frente, abraçou-me, beijou-me e eu me senti amada tão intensamente, como nunca havia sentido antes. Mas de repente seu rosto endureceu e ele me perguntou com voz baixa:
-Por que você viveu reclamando das coisas que eu criei? Não achaste bom?
Respondi:
- Você criou pessoas que matam, enganam, torturam e ainda me pergunta o motivo da minha reclamação?
Deus olhou-me piedosamente e disse:
-Minha filha querida, todas as coisas que eu criei são boas. Inclusive o mágico do amor. Esse mágico trabalha muito e todos os dias ele visita pessoas como você, que vivem a reclamar da vida. Claro, muitas vezes as pessoas não dão a mínima para ele, ignorando-o. Esse mágico, que também é meu filho amado, visita as pessoas de várias maneiras; Notaste que entre os carros havia flores? E que no céu existiam pássaros lindos? E no mar, todos aqueles peixes? Notaste? Eles todos também são mágicos e todos os dias ficam à espera que alguém reconheça sua existência e me enxergue através deles.
Eu estava sem resposta para Deus, mas ainda assim persisti:
-Queres que eu viva a olhar entre os carros, para a cima ou para o mar para que eu note sua presença?
Deus me pôs em seus braços e sussurrou:
-Não precisas. Cuidei de tudo isso. Além dos pássaros, peixes e flores, coloquei pessoas comuns ao seu lado. Elas também eram mágicos e, se você tivesse um pouco mais de compaixão, as notaria e reconheceria o trabalho de cada uma delas: abrir os olhos de pessoas como você, minha filha amada, que limitam a minha criação ao lixo. Infelizmente, quando vocês decidem fazer isso já é tarde demais e vocês não conseguem desfrutar a beleza da vida em mim.

Nota: Existem mágicos na nossa vida o tempo inteiro: familiares, colegas de trabalho, amigos e vizinhos. O que faz com que eles percam sua 'mágica' somos nós que insistimos em não vê-los de modo diferente. Para viver a felicidade, basta que cada um de nós percebamos que a mágica da vida não é uma meta distante, mas sim que está diante de nossos olhos e alcançe das nossas mãos!

Um comentário:

Sua vez de falar :)

9 de fev de 2010

Diálogo com Deus

Um dia conheci um mágico, mas não um mágico comum..Era o mágico dos sentimentos! Ele me prometeu transformar todos os meus sentimentos ruins em coisas maravilhosas. Segundo o tal mágico, eu nunca mais precisaria sentir tristeza, dor, saudade, ódio, ciúme..Tudo em mim iria ser felicidade! Claro que eu aceitei, afinal, não custava tentar.
Então assim ele fez: colocou um lenço sobre meus olhos, assoprou e...E nada mudara! Esperei, esperei e tudo permanecia igual! Então decidi ir para minha casa; eu estava desolada e com raiva do mágico mentiroso! Quando eu ia dar-lhe as costas, ele falou em meu ouvido: Minha mágica só funciona quando você 'abrir os olhos'. Espero que para você não seja tarde demais! Eu não dei à mínima..simplesmente saí.
Na rua todas as coisas estavam iguais: carros, prédios, fumaça, homens caídos no chão..Tudo igual a antes. De certo modo, senti-me aliviada por nada ter mudado, pelo menos eu poderia continuar minha vida como era antes. Mas, no caminho da minha casa, um carro grande e pesado me pegara repentinamente e quando acordei, estava eu pronta para ser julgada por Deus! Sim, eu tinha sido atropelada naquela tarde. Deus estava na minha frente, abraçou-me, beijou-me e eu me senti amada tão intensamente, como nunca havia sentido antes. Mas de repente seu rosto endureceu e ele me perguntou com voz baixa:
-Por que você viveu reclamando das coisas que eu criei? Não achaste bom?
Respondi:
- Você criou pessoas que matam, enganam, torturam e ainda me pergunta o motivo da minha reclamação?
Deus olhou-me piedosamente e disse:
-Minha filha querida, todas as coisas que eu criei são boas. Inclusive o mágico do amor. Esse mágico trabalha muito e todos os dias ele visita pessoas como você, que vivem a reclamar da vida. Claro, muitas vezes as pessoas não dão a mínima para ele, ignorando-o. Esse mágico, que também é meu filho amado, visita as pessoas de várias maneiras; Notaste que entre os carros havia flores? E que no céu existiam pássaros lindos? E no mar, todos aqueles peixes? Notaste? Eles todos também são mágicos e todos os dias ficam à espera que alguém reconheça sua existência e me enxergue através deles.
Eu estava sem resposta para Deus, mas ainda assim persisti:
-Queres que eu viva a olhar entre os carros, para a cima ou para o mar para que eu note sua presença?
Deus me pôs em seus braços e sussurrou:
-Não precisas. Cuidei de tudo isso. Além dos pássaros, peixes e flores, coloquei pessoas comuns ao seu lado. Elas também eram mágicos e, se você tivesse um pouco mais de compaixão, as notaria e reconheceria o trabalho de cada uma delas: abrir os olhos de pessoas como você, minha filha amada, que limitam a minha criação ao lixo. Infelizmente, quando vocês decidem fazer isso já é tarde demais e vocês não conseguem desfrutar a beleza da vida em mim.

Nota: Existem mágicos na nossa vida o tempo inteiro: familiares, colegas de trabalho, amigos e vizinhos. O que faz com que eles percam sua 'mágica' somos nós que insistimos em não vê-los de modo diferente. Para viver a felicidade, basta que cada um de nós percebamos que a mágica da vida não é uma meta distante, mas sim que está diante de nossos olhos e alcançe das nossas mãos!

Um comentário:

Sua vez de falar :)